Recentes

sábado, 12 de maio de 2018

Propriedades do Cordão de frade

Cordão de frade (Leonotis nepetaefolia)

Nome popular: Cordão de frade
Outros nomes: Cordão-de-são-francisco, cordão-de-frade-verdadeiro, cordão-de-frade-pequeno.
Nome científico: (Leonotis nepetaefolia)
Família: Labiadas
Origem: África Tropical


Propriedades e apresentação:

O cordão-de-frade, é uma erva anual, quase arbustiva, de até um metro e meio de comprimento aproximadamente. Comum em lugares abertos e secos na vizinhança das habitações.

Possui cheiro aromático. Seu caule é quadrangular. Folhas opostas, lanceoladas. Flores alaranjadas, dispostas em verticilos globulares nas axilas das folhas.

Os seus frutos são quatro grãos pretos, trapezóides.

Não se deve ser confundida com outras igualmente conhecidas por cordão-de-frade.

Emprego e utilização da planta:

Empregado por muitas pessoas nos acessos de asma, na disúria, no reumatismo.

Infuso, decocto, extrato fluido, tintura ou xarope.

Uso medicinal:

Planta estimulante, antiespasmódica e eficaz contra as hemorragias uterinas.

Externamente é usada em banhos contra o reumatismo articular agudo.

Também utilizado no tratamento de pessoas com dificuldade em urinar, o decocto de cordão-de-frade, em forma de banhos, presta grande auxílio.

Esses mesmos banhos são muito bons para fortalecer as crianças débeis. Depurativa do sangue, diurético, antirreumático

Parte usada:

Planta florida, raízes, inflorescência ou folhas.

Dose:

Normal.

Fonte de pesquisa: Livros diversos e biblioteca pública.
Texto meramente informativo. Sua visita periódica ao seu médico de confiança é fundamental.



Nenhum comentário:

Postar um comentário