Recentes

sábado, 9 de junho de 2018

Propriedades do Mangostão

Mangostão (Garcinia mangostana L.)

Nome popular: Mangostão
Outros nomes: Mangostanzeiro, mangostão
Nome científico: (Garcinia mangostana L.)
Família: Clusiaceae (Guttiferae)
Origem: Ásia

Propriedades e apresentação:

O mangostanzeiro é uma árvore de aproximadamente oito a dez metros de altura, de formato piramidal, de copa cónica. De grande longevidade tem enorme produtividade podendo dar entre 1300 e 1500 frutos por safra. O mangostanzeiro é cultivado em áreas onde o clima é quente e úmido, com chuvas bem distribuídas durante o ano. De folhas grandes, simples, de coloração verde-escuro e brilhante.

Possui flores grandes de cor vermelha escura. Frutos esféricos de 4 a 9 centímetros de diâmetro e 3,6 a 6,5 centímetros de altura, de coloração vermelha a castanha escura. Polpa mole, suculenta, de sabor delicado e muito característico que envolve as sementes oleaginosas. A parte comestível é formada por quatro a oito segmentos carnosos brancos translúcidos e com sabor bastante delicado.

É considerada a melhor fruta dos trópicos (a "rainha das frutas tropicais"), o mangostão combina belas cores com um cativante e delicioso sabor. Sua polpa branca e translúcida, dividida em segmentos, encerra pouca ou nenhuma semente, convertendo-se em um néctar na boca de quem a consome.

O mangostanzeiro começa a florir em outubro e novembro e a safra ocorre entre fevereiro e março estendendo-se até abril. O mangostão é rico em proteínas, carboidratos, ácido, fibras, cálcio, ferro, fósforo, vitamina A, B2, B5 e C. REF:- Frutas de A a Z.- - mcientífica.

Emprego e utilização da planta:

Absolutamente delicioso ao natural, como fruta de mesa, também pode ser preparado na forma de compotas e sucos. Também é empregada como árvore ornamental, e adorna com louvor qualquer pomar ou jardim.

Uso medicinal:

Utilizado na medicina caseira como anti-inflamatório, antibacterianas, antifúngicos, antialérgicos e os antioxidantes, previne contra o câncer, problemas estomacais e na regulação do ciclo menstrual das mulheres.

Fonte de pesquisa: Livros diversos e biblioteca pública.
Texto meramente informativo. Sua visita periódica ao seu médico de confiança é fundamental.



Nenhum comentário:

Postar um comentário