Recentes

domingo, 29 de julho de 2018

Propriedades da Pitaya

Pitaya (Cereus undatus Haworth guatemalensis)

Nome popular: Pitaya
Outros nomes: Fruta-dragão, pitaia, pitaya
Nome científico: (Cereus undatus Haworth guatemalensis)
Família: Cactaceae
Origem:  América Tropical e Subtropical

Propriedades e apresentação:

A pitaya está distribuída por vários países americanos tropicais e subtropicais, sendo comum no México. Trata-se de uma planta já cultivada pelos Maias.

O seu nome principal significa fruta escamosa. Quanto ao clima e o solo, pode ser cultivada de 0 (zero) até 1.800 (mil e oitocentos) metros acima do nível do mar, desde que as temperaturas sejam em média de 18(dezoito) a 26 (vinte e seis) graus centígrados, com chuvas de 1200 (mil e duzentas) a 1.500 (mil e quinhentos) mm/ano, mas adapta-se também em climas mais secos.

Planta que cresce nos muros e nas árvores que lhe servem de apoio. Além da sua fantástica beleza e sabor exótico, se atribuem propriedades afrodisíacas e curativas.

Nativa da América Tropical, a pitaya pertence a a mesma família dos cactos. Crescendo livremente nos campos, só recentemente começou a ser cultivada comercialmente.

Sua polpa, de exótica coloração acinzentada, apresenta propriedades digestivas e funciona como um leve laxante natural. REF:- Frutas de A a Z.- - mcientífica.

Tabela Nutricional da Pitaya (Cereus undatus Haworth guatemalensis)


Emprego e utilização da planta:

Seu consumo pode ser da polpa do fruto ao natural (in natura), também pode ser utilizada na preparação de refrescos, geleias, doces, coquetéis, sucos e molhos para saladas, além de ser usada na medicina caseira como tônico cardíaco.

Uso medicinal:

Rica em calorias, proteínas, carboidratos, vitamina C, ferro e cálcio.

Fortalece o sistema imunológico, combate ao diabetes, possui propriedades anti-inflamatórias, antibacterianas e anti-fungicidas.

Fonte de pesquisa: Livros diversos e biblioteca pública.
Texto meramente informativo. Sua visita periódica ao seu médico de confiança é fundamental.



Nenhum comentário:

Postar um comentário