Recentes

sábado, 23 de novembro de 2019

Calêndula - Suas propriedades terapêuticas

Calêndula (Calendula officinalis)

Nome popular: Calêndula
Nome Científico: (Calendula officinalis)
Família: Asteraceae
Origem: Europa, Ilhas Canárias

Propriedades e apresentação: 

Calêndula: - Planta herbácea, anual, com caule ereto de 35 a 70 centímetros de altura, com folhas alternas, oblongas, inteiras; capítulos solitários, grandes, terminais, pedunculados; a cor da flor varia do amarelo claro para o alaranjado; aquênios curvos, providos de protuberâncias no dorso e crenados na face ventral; papus nulo.

Amplamente utilizada por suas propriedades anti-inflamatórias, anti-espasmódicas, emenagogas, colagogas, sedativas, sudoríficas, vulnerárias e bactericidas.

Dada sua importância terapêutica, apresenta-se resultado de pesquisa exploratório-descritiva incluindo características botânicas, agronômicas, ecológicas e de uso dessa espécie, visando subsidiar o incremento de seu cultivo no Brasil.

Emprego e utilização da planta:

A calêndula é muito utilizada como planta ornamental em muitos jardins, pela beleza e exuberância de suas flores.

Seu uso principal ainda se faz pela indústria de cosméticos e para tratamentos de lesões de pele em geral, onde é utilizada no preparo de xampus, loções, cremes e outros produtos de uso tópico.

Também utilizada como corante em queijos, manteigas e cosméticos e também em produtos para tratamento de pele.

Uso medicinal:

Erva de efeito cicatrizante.

O chá tem bons efeitos contra icterícia, palidez, doenças glandulares, abcessos do estômago, congestão do baixo ventre, gastrite, fraqueza geral, fraquezas dos nervos, menstruação escassa, urina com sangue, ardor da bexiga, doenças do fígado e baço, febres, enfermidades dos olhos etc.

Planta-se as sementes.

Partes usadas: Folhas e principalmente as flores.

Fonte de pesquisa: Livros diversos e biblioteca pública.
Texto meramente informativo. Sua visita periódica ao seu médico de confiança é fundamental.


Nenhum comentário:

Postar um comentário