Recentes

sábado, 29 de dezembro de 2018

Cebola - Preferida desde os tempos das Sagradas Escrituras

Cebola (Allium cepa)

Nome popular: Cebola
Outros nomes: Cebolo, cebola, cepa
Nome Científico: (Allium cepa)
Família: das Liliáceas
Origem: Ásia

Propriedades e apresentação:

Em todo o mundo, a cebola é muito conhecida e apreciada. Onde ela falta, sente-se a necessidade desse meio curativo e saudável, tão benéfico para o corpo humano.

As Sagradas Escrituras nos relatam que os povos antigos tinham em grande estima a cebola, que quase não faltava em nenhuma refeição, sendo consumida principalmente crua e em grandes quantidades. Por esta razão, esses povos eram fortes e sadios.

Também sua incrível resistência para suportar o trabalho pesado e as fadigas corporais foi um resultado dessa alimentação.

Uma das causas pelas quais os israelitas se rebelaram contra Moisés e Deus no deserto, foi porque não puderam conseguir esse valioso alimento, e então disseram: "Lembramo-nos... das cebolas, e dos alhos (que no Egito comíamos)." Portanto, a cebola sempre foi muito apreciada pelos povos da antiguidade.

Todos os que reconheceram o grande valor da cebola para limpar, desinfetar, nutrir, fortificar e curar o organismo consideram-na a preferida entre seus alimentos.

Indicações:

A cebola é um ótimo remédio para o catarro, a tosse, a rouquidão, as mucosidades, as supurações, as úlceras e inflamações de qualquer espécie, as enfermidades da pele, da garganta, do cérebro, dos ossos, do estômago, dos intestinos e dos rins.

Aquele que, na juventude, deseja um desenvolvimento normal e forte do corpo e dos ossos, e uma inteligência viva, não deve esquecer-se de comer muita cebola nas refeições.

A cebola abre o apetite e regulariza as funções do estômago, combatendo também as dores abdominais.

Emprego e utilização da planta:

Suas propriedades diuréticas tornam-na um meio depurativo de primeira categoria, sendo muito eficaz em casos de hidropisia e retenção da urina.

Por isso, amiúde deveria tomar-se o suco de cebola, que se consegue mediante a máquina espremedora, um ralador fino, ou então picando e triturando as cebolas, e depois espremendo-as com um pedaço de tecido fino e limpo.

Uso medicinal:

Num pouco de água também se podem ferver pedaços de cebola, e tomar este chá com bastante mel. Se não houver mel, pode-se empregar açúcar mascavo ou melado de cana, mas nunca o açúcar branco que se costuma usar e que é prejudicial por causa das substâncias químicas que lhe são acrescentadas.

Este chá é muito curativo especialmente para resfriados, rouquidão, tosse, gripe, catarros de qualquer espécie, escarros de sangue, pleurisia, doenças dos rins, tísica (tuberculose pulmonar), etc.

Um magnífico remédio contra a tosse, os catarros, asma, a bronquite, a gripe e o resfriado, é beber quente o suco da cebola, misturado com o suco de um limão e duas colheradas de mel.

O suco de cebola aplicado externamente produz um bom efeito interno, friccionando com suco a parte doente e aplicando sobre a mesma uma cataplasma de cebolas.

Quando são misturadas com mel e barro, essas cataplasmas fazem amadurecer os furúnculos e expelem o pus.

Aplicadas junto com outros tratamentos naturais, as cataplasmas de cebola são muito indicadas em casos de reumatismo e gota, como também nas dores causadas por quedas, golpes, torceduras, esmagamentos, etc.

Poucas pessoas sabem que as cebolas cruas ou cozidas e o suco combatem a prisão de ventre.

O suco da cebola misturado com suco de alho e as lavagens com chá de cebola e alho, servem para combater com êxito qualquer classe de lombriga, seu suco também é excelente nas úlceras de qualquer espécie, e nas feridas abertas e supurantes.

Friccionando amiúde o couro cabeludo com suco de cebola, elimina-se a formação de caspa, e como favorece o crescimento do cabelo, evita sua queda.

Da mesma maneira que o limão, o suco de cebola mata os micróbios graças ao seu grande poder desinfetante e curativo, que lamentavelmente é quase desconhecido pela humanidade.

Portanto, comer cebola, especialmente crua, é um meio de proteger o homem contra enfermidades infecciosas.

Fonte de pesquisa: Livros diversos e biblioteca pública.
Texto meramente informativo. Sua visita periódica ao seu médico de confiança é fundamental.


Um comentário: