Recentes

sábado, 12 de dezembro de 2020

Barbatimão - Suas propriedades terapêuticas

Barbatimão (Stryphnodendron barbatiman Mart.)

Nome popular: Barbatimão, barba-de-timão, casca-da-virgindade
Nome científico: (Stryphnodendron barbatiman Mart.)
Família: Fabaceae.
Origem: Brasil

Propriedades e apresentação:

O Barbatimão (Stryphnodendron barbatiman Mart.), é uma espécie do cerrado brasileiro de alta demanda farmacêutica devido à produção potencial de tanino.

A caracterização ecológica da espécie bem como a mensuração florestal é uma ferramenta importante para subsidiar a sua conservação.

O barbatimão é uma planta medicinal do Cerrado, rica em taninos.

Emprego e utilização da planta

A exploração comercial do barbatimão é puramente extrativista e se destina à extração de taninos da casca para serem utilizados na medicina popular e no curtimento do couro de animais.

O chá feito com a casca fervida é rico em tanino e altamente adstringente. Lavam-se úlceras, impingens e infecções vaginais.

Usar somente a casca após desfiada e secada na sombra. Fazer o chá tomando 1 copo 5 dias por semana.

Cuidados e prevenção:

Não tomar na semana seguinte. Repetir o tratamento várias semanas.

Uso medicinal: 

Utilizado nos tratamentos de queimaduras e escoriações cutâneas, indicado para hemorragias, gonorreias e corrimentos.

O extrato do barbatimão tem efeito cicatrizante sobre os ferimentos e também possui atividade anti-inflamatória, analgésica e uma atividade protetora da mucosa gástrica.

Fonte de pesquisa: Livros diversos e biblioteca pública.
Texto meramente informativo. Sua visita periódica ao seu médico de confiança é fundamental.


Nenhum comentário:

Postar um comentário