Recentes

terça-feira, 24 de setembro de 2019

Guaraná - Suas propriedades terapêuticas

Guaraná (Paullinia cupana Kunth)

Nome popular: Guaraná
Nome científico: (Paullinia cupana Kunth)
Família: Sapindaceae
Origem: Amazônia

Propriedades e apresentação:

Arbusto de ramos escandentes ou trepadores, de crescimento vigoroso, podendo seus ramos atingir até 10 m de comprimento.

O guaraná já era conhecido pelos nativos Maués, que o utilizavam antes de irem às lutas e em longas caminhadas.

O guaranazeiro cresce naturalmente na Amazônia, desde a região Ocidental do rio Tapajós até a bacia do rio Madeira.

Atualmente é também cultivado nos estados de Mato Grosso e Bahia.

Uso medicinal:

Devidamente empregado, sua ação previne a arteriosclerose e favorece a intelectualidade.

Esse precioso elemento da natureza é eficaz nos esgotamentos físicos e mental.

Estimulante do Sistema Nervoso Central além de diminuir a fadiga.

Relaxa a musculatura dos vasos sanguíneos periféricos e contrai a musculatura dos vasos cerebrais, é um diurético, bom pra tratar a diarreia, previne a arteriosclerose, tromboembolismo e cefaleias.

Cuidados e prevenção:

Porém seu uso não é indicado para pessoas que sofrem de insônia e hipertensão.

Fonte de pesquisa: Livros diversos e biblioteca pública.
Texto meramente informativo. Sua visita periódica ao seu médico de confiança é fundamental.


Nenhum comentário:

Postar um comentário