Recentes

sábado, 6 de março de 2021

Fruta pão - Suas propriedades terapêuticas

Fruta-pão (Artocarpus altilis)
Imagem: de PublicDomainPictures por Pixabay
Nome popular: Fruta-pão
Outros nomes: Árvore-do-pão, castanheira, pão-de-massa, etc.
Nome científico: (Artocarpus altilis)
Família: Moraceae
Origem:  Ilhas do sul do Pacífico

Propriedades e apresentação:

Árvores de crescimento rápido, atingindo em média 25 a 30 metros de altura, com copa mais ou menos frondosa.

A fruta-pão é originária da região indomalásia principalmente das ilhas de Java e Sumatra, sendo cultivada em todas as ilhas do arquipélago asiático e regiões de todo o mundo.

Na Polinésia seu cultivo tem extraordinário valor, a ponto de se admitir que certas tribos não poderiam sobreviver sem tal árvore.

É considerada uma das mais importantes frutas alimentares do mundo, constituindo base alimentar dos povos de inúmeras ilhas do Pacífico, para os quais é utilizado sob as mais variadas formas.

Emprego e utilização da planta:

A farinha de fruta-pão para consumo humano representa uma forma alternativa de aproveitamento e conservação das características nutritivas do fruto, podendo ser estocada por maior período, sendo leve e de fácil manuseio.

Além disso, acredita-se que a mesma possa ser utilizada como matéria-prima em bolos, pães e outros produtos, em substituição total ou parcial à farinha de trigo.

Uso medicinal:

As raízes são antidiarreicas e seu cozimento é útil contra o reumatismo, beribéri e entorpecimento das pernas.

As flores  quando (frescas) são consideradas emolientes e formam a base de uma conserva acidulada e comestível.

Suas sementes são consideradas como um bom tônico para o estômago e rins. Postas em emulsão, são recomendadas para combater os corrimentos do aparelho genito-urinário.

Fonte de pesquisa: Livros diversos e biblioteca pública.
Texto meramente informativo. Sua visita periódica ao seu médico de confiança é fundamental.


Nenhum comentário:

Postar um comentário